Pesquisa Estética

                                                                          Noel Nascimento



À procura
da sonoridade mais pura,
quis decifrar o mistério
da beleza natural.


Palavra por palavra,
desfolhei o poema
e despetalei a flor.
Em busca da magia de um canto
quase descubro
a fonte do amor.


O que faz o mavioso gorjeio,
seria a força que faz o vôo?
Onde a nascente no coração de cristal?


Pena por pena,
depenei um canarinho,
tingi de sangue as minhas unhas,
mas ao abrir-lhe o peito
não achei a flautinha divinal ...